Material e Métodos

Para a aplicação do sistema, se faz necessário o estabelecimento de algumas etapas essenciais, como:
  • Definição do foco
  • Criação do Grupo Gestor
  • Formação do Comitê Técnico (Pesquisadores/Especialistas e Técnicos Multiplicadores I (TM I)
  • Formação dos grupos de Técnicos Multiplicadores II e Produtores Rurais (TM II)
 
No Treino&Visita, o "T" representa o processo de capacitação que deve ser sistêmico, contínuo e prioritariamente com periodicidade definida, o "V" representa o processo de Transferência de Tecnologia, que também deve ser sistêmico e desenvolvido com todos os agentes envolvidos nos diferentes níveis do trabalho.
 
Modelo tradicional de TT
 
  • Demandas pontuais
  • Descontinuidade
  • Baixo efeito de multiplicação
  • Pouca integração entre os atores
  • Dificuldade de validação/adaptação
  • Pouca retroalimentação
  • Alta demanda por pesquisadores
  • Dificuldade para avaliação
 
Sistema T&V
 
  • Ações integradas visando todo o sistema
  • Capacitação contínua de técnicos e produtores
  • Efeito multiplicador do conhecimento
  • Forte interação e acompanhamento dos atores e maior integração entre as entidades envolvidas
  • Formação de uma rede de validação de tecnologia a campo
  • Maior "feedback" para a pesquisa
  • Maior autonomia do profissional de assistência técnica
  • Avaliação permanente do processo/impacto