Projetos

Avaliação do farelo de algodão termoprocessado na nutrição de suínos

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Em torno de 70% do custo de produção dos suínos é oriundo do custo das dietas. Matérias-primas alternativas, com um custo mais acessível, são constante tema de interesse por parte da cadeia de produção. Este projeto vai avaliar os benefícios do tratamento térmico do farelo de algodão (extrusão) sobre os ganhos nutricionais para suínos em fase de crescimento e terminação. O farelo de algodão é uma matéria prima disponível em volume considerável, entretanto o seu uso em dietas de suínos é limitado pela sua baixa digestibilidade e conteúdo de gossipol, fator antinutricional.

Ecossistema: Extremo Sul

Região: Sul

Situação: concluído Data de Início: 10/2014 Data de Finalização: 09/2016

Unidade Lider: Embrapa Suinos e Aves

Lider do Projeto: Everton Luís Krabbe

Contato: everton.krabbe@embrapa.br