Projetos

Modelagem do sequestro de carbono e emissão de gases de efeito estufa pela reciclagem dos fertilizantes orgânicos na agricultura

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

O Brasil assumiu metas ambiciosas de redução das emissões de gases do efeito estufa na 21ª Conferência das Partes (COP21) da UNFCCC, em Paris. A Contribuição Nacionalmente Determinada (iNDC) pelo Brasil no Acordo de Paris estipula que o país deve reduzir as emissões de carbono em 37% até 2025 e 43% até 2030 em comparação às emissões verificadas no ano de 2005.

O Plano ABC – Agricultura de Baixa Emissão de Carbono é um programa de extrema relevância para o cumprimento destas metas. Através desta iniciativa, estima-se que a redução do desmatamento, a difusão da integração lavoura-pecuária-floresta, do sistema plantio direto e da fixação biológica de nitrogênio, o aumento do reflorestamento e do tratamento dos dejetos de animais possam reduzir as emissões de GEE brasileiras em até 163 milhões de toneladas de CO2 equivalente até 2020.

O tratamento dos dejetos de animais por biodigestão ou compostagem representa pouco mais de 4% das metas do plano ABC, mas resultados recentes obtidos pela Rede BiogásFert indicam que este potencial possa ter sido subestimado.
O objetivo deste projeto é gerar indicadores para um inventário do potencial de sequestro de carbono e emissão de GEE pela reciclagem dos fertilizantes orgânicos oriundos da produção animal na agricultura brasileira no escopo da Rede BiogásFert e do Plano ABC.

Situação: concluído Data de Início: 07/2017 Data de Finalização: 06/2018

Unidade Lider: Embrapa Suinos e Aves

Lider do Projeto: Rodrigo da Silveira Nicoloso

Contato: rodrigo.nicoloso@embrapa.br