Pular para o conteúdo

Sobre o tema

A pesca baseia-se na retirada de recursos pesqueiros do ambiente natural. Já a aquicultura é baseada no cultivo de organismos aquáticos geralmente em um espaço confinado e controlado. A grande diferença entre as duas atividades é que a primeira, por ser extrativista, não atende as premissas de um mercado competitivo. Já a aquicultura possibilita produtos mais homogêneos, rastreabilidade durante toda a cadeia e outras vantagens que contribuem para a segurança alimentar, no sentido de gerar alimento de qualidade, com planejamento e regularidade.

Segundo a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), a aquicultura é a mais rápida das atividades agropecuárias em termos de resultados produtivos e uma das poucas capazes de responder com folga ao crescimento populacional, o que pode contribuir para o combate à fome em todo o mundo.  [+] Leia mais

Perguntas e respostas

Os desafios do setor, as pesquisas realizadas no Brasil, curiosidades...quer saber mais sobre pesca e aquicultura? Então acesse aqui e veja essas e outras questões respondidas por especialistas da Embrapa. [+] Leia mais

 

Soluções tecnológicas

Publicações

Projetos

Vídeos


06/11/2014     
Brasil investe em pesquisa na área de aquicultura
Duração: 24:20"   ¦   75 Visualizações
21/06/2010
Aquabrasil : tecnologias para o mercado de tilápia : parte 1 - Dia de Campo na TV
Duração: 4:09"   ¦   2071 Visualizações
06/03/2014
Produção de peixes ornamentais - Dia de Campo na TV
Duração: 14:45"   ¦   56625 Visualizações
23/04/2013
Manejo genético de reprodutores de peixes - Dia de Campo na TV
Duração: 11:53"   ¦   24428 Visualizações