Descrição dos dados da pesquisa geoespacial: a experiência da Embrapa.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

Autoria: PINTO, D. M.; BRANDÃO, S. V. V. dos; DRUCKER, D. P.; DOMPIERI, M. H. G.; RASCHE, F.; HOLLER, W. A.; BETTIOL, G. M.; CUSTODIO, D. de O.; VICTORIA, D. de C.; GONCALVES, L. de M. P. B.

Resumo: Sob as premissas do acesso aberto, o atual contexto de produção da ciência vem expressando valor ao compartilhamento e abertura dos dados de pesquisa. No Brasil, o Decreto Lei n. 6.666/08, que instituiu a Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais (Inde), estabelece-se como um exemplo bem sucedido de iniciativa para a abertura de dados espaciais, tendo influenciado a Embrapa a promover a abertura de seus dados espaciais gerados no âmbito de suas pesquisas. Para a disponibilização do dado de pesquisa, é preciso considerar as questões associadas à representação do dado, ou precisamente, a descrição dos metadados como elemento crucial para que o dado possa disponibilizado. Diante disso, o objetivo deste trabalho é apresentar a experiência da Embrapa em estruturar o processo da organização e representação dos dados espaciais, contextualizando-os sob as considerações da Ciência da Informação e Geociências.

Ano de publicação: 2017

Tipo de publicação: Artigo de periódico

Conteúdo relacionado