Voltar

Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta são tema de Dia de Campo em Ipameri (GO)

A Fazenda Santa Brígida, em Ipameri, no Sudeste goiano, vai sediar, na próxima sexta-feira (6), a partir das 8h, mais uma edição do Dia de Campo sobre sistemas de Integração Lavoura-Pecuária Floresta (ILPF). O objetivo é difundir a ILPF como estratégia de intensificação agrícola sustentável do ponto de vista econômico, ambiental e social. O evento é promovido pela Rede ILPF, parceria público-privada, formada pela Embrapa e as empresas Cocamar, John Deere, Soesp e Syngenta.

Além das estações técnicas sobre o Sistema Santa Brígida (consorciação de milho com leguminosas – guandu-anão ou crotalária spectabilis), saúde do solo e viabilidade econômica da ILPF, os participantes poderão tirar dúvidas sobre cada um dos componentes dos sistemas de integração (lavoura, pecuária e floresta) e estratégias de comercialização na estação opcional “Saiba mais sobre ILP e ILPF”. Os palestrantes são pesquisadores da Embrapa, além de técnicos e consultores da fazenda.

A entrada é gratuita e o credenciamento será feito no início do Dia de Campo.

Programação

8h – Credenciamento

8h15 às 12h – Boas-vindas e visita às estações:

Estação 1 - Sistema Santa Brígida
Alex Silva, Fazenda Santa Brígida
Lourival Vilela, Embrapa

Estação 2 - Saúde do solo: sustentabilidade da produção agropecuária
Ieda de Carvalho Mendes, Embrapa

Estação 3 - Viabilidade econômica da ILPF
Júlio Cesar dos Reis, Embrapa

Estação Opcional - Saiba mais sobre ILP e ILPF
• Lavoura
João Kluthcouski (Embrapa) e Roberto Freitas (consultor da Fazenda Sta. Brígida)
• Pecuária
William Marchió (Rede ILPF) e Bruno Pedreira (Embrapa)
• Floresta
Abílio Pacheco (Embrapa) e Vanderlei Oliveira (consultor da Fazenda Sta. Brígida)
• Comercialização
Gustavo Bezerra (consultor da Fazenda Sta. Brígida) 

13h – Encerramento

Intensificação agrícola sustentável e ILPF

A intensificação agrícola sustentável é um modelo de produção integrada, sistêmica, no qual a agricultura dialoga com a natureza, provendo serviços ambientais, e com a sociedade, contribuindo para a produção em abundância de alimentos de qualidade, com baixo impacto ambiental de forma segura e inteligente. Nesse sentido, a agrobiodiversidade é fundamental, na medida em que rompe com a monocultura para aumentar a diversidade e a resiliência dos sistemas agrícolas e minimiza sua vulnerabilidade a fatores bióticos e abióticos.

A Integração Lavoura-Pecuária- Floresta (ILPF) é uma estratégia de produção que integra diferentes sistemas produtivos, agrícolas, pecuários e florestais dentro de uma mesma área. Pode ser feita em cultivo consorciado, em sucessão ou em rotação, de forma que haja benefício mútuo para todas as atividades. Essa forma de sistema de integração busca otimizar o uso da terra, elevando os patamares de produtividade, diversificando a produção e gerando produtos de qualidade. Com isso, reduz a pressão sobre a abertura de novas áreas.

Saiba mais sobre a ILPF clicando aqui.

Rede ILPF

O principal objetivo da Rede ILPF é acelerar a ampla adoção dos sistemas de Integração Lavoura-Pecuária Floresta por produtores rurais como parte de um esforço visando à intensificação sustentável da agricultura brasileira. Iniciada em 2012, a Rede, que é co-financiada pelas empresas privadas e pela Embrapa, apoia uma rede com 107 Unidades de Referencia Tecnológica distribuídas em todos os biomas brasileiros e que envolve a participação de 22 Unidades de Pesquisa da Embrapa.

Saiba mais sobre a Rede ILPF clicando aqui.

Breno Lobato (MTb 9417-MG)
Embrapa Cerrados

Telefone: (61) 3388-9945

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/